PREFEITA E SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO DE CHAPADA DE AREIA PARTICIPAM DE ENCONTRO DE FORMAÇÃO SOBRE INVESTIMENTOS E PROGRAMAS DO FNDE

O secretário municipal de Educação de Chapada de Areia (TO), Gutemberg Rodrigues, participou na última semana de um encontro de formação para gestores municipais e técnicos sobre investimentos e programas do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O evento aconteceu em Palmas, nos dias 26 e 27, com palestras e atendimentos individualizados.

O encontro técnico foi realizado pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc), em parceria com a Associação Tocantinense de Municípios (ATM). Neste primeiro dia, ocorreram palestras sobre o Programa Dinheiro Direto na Escola, (PDDE), sobre o monitoramento, execução e prestação de contas de obras e do Plano de Ações Articuladas (PAR) e sobre a atuação do Banco do Brasil.

 

Na sexta-feira (27) foram ministradas palestras sobre Políticas Públicas para o Transporte Escolar, sobre o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), entre outras.

De acordo com a gestora da Seduc, Adriana Aguiar, o trabalho em prol da Educação deve ser realizado com a participação de todas as instâncias. “Estamos com os técnicos do FNDE trabalhando com os prefeitos, secretários municipais de educação, técnicos dos municípios, que recebem uma gama de informações para que, após retornarem aos seus municípios, garantam que o investimento reflita diretamente no atendimento dos estudantes”, apontou.

Conforme o vice-presidente do FNDE, as parcerias com as secretarias estaduais e municipais de educação são de fundamental importância. “Estamos realizando as capacitações para que eles consigam executar as políticas públicas. Não é simples fazer os investimentos públicos, queremos ajudar a superar as dificuldades, para que consigamos tirar as barreiras e executar as políticas públicas e melhorar o sistema de educação no País”, ressaltou.

O presidente da Associação Tocantinense de Municípios (ATM), Jairo Mariano, chamou atenção para o papel dos municípios na garantia da implementação das políticas do FNDE. “Estamos aprimorando os conhecimentos para que os processos transcorram com mais celeridade e para que as comunidades sejam beneficiadas por essa prestação de serviços”, pontuou.

Para o secretário de Educação de Chapada de Areia, o encontro teve grande importância para a atualização de informações sobre a execução de programas e as prestações de contas. “O evento foi muito produtivo. Aproveitamos a oportunidade para sanar dúvidas e nos capacitar para realizarmos um trabalho ainda mais eficiente em nosso município”, disse Gutemberg.

A prefeita Maria de Jesus, que também participou das atividades do evento no dia 27, considerou o encontro como muito rico em conteúdo. “Quero agradecer à Seduc por ter proporcionado esse momento de troca de conhecimentos e capacitação técnica”, afirmou a gestora municipal de Chapada de Areia.

De Chapada de Areia também participaram as técnicas da Secretaria Municipal de Educação Priscilla Luana e Maria das Graças Araújo. Gustavo Henrique, filho do secretário Gutemberg, também teve um momento no evento onde apresentou ao público a importância do FNDE para o seu futuro como estudante.

SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO DE CHAPADA DE AREIA EXPLICA SOBRE PROIBIÇÃO DO USO DO TRANSPORTE ESCOLAR PARA FINS PARTICULARES

O secretário municipal de Educação de Chapada de Areia (TO), Gutemberg Alves Rodrigues, publicou nesta quinta-feira (26) uma nota de esclarecimento informando a comunidade sobre os fatos envolvendo a utilização indevida de uma van escolar para fins particulares. O veículo, que leva diariamente alunos para estudarem em Paraíso do Tocantins, estaria sendo utilizado por uma pessoa para transportar valores de um posto bancário que funciona na cidade.

De acordo com o gestor, ao tomar ciência de que uma pessoa sem vínculos com a administração estaria usando indevidamente a van, houve a imediata proibição da prática, o que teria prejudicado o funcionamento do posto bancário, segundo a proprietária do negócio.

Em contato com a reportagem do Surgiu, Gutemberg esclareceu, ainda, que a proibição teve o único objetivo de prezar pelo cumprimento da lei e pela segurança dos estudantes que utilizam o transporte. “O transporte é de uso exclusivo dos alunos, isso está na lei. Quando soube que havia uma pessoa utilizando esse serviço para transportar valores, naturalmente proibimos a prática, porque é nossa obrigação não permitir isso. Então, não existe perseguição política e muito menos temos a intenção de prejudicar o funcionamento das empresas da nossa cidade”, pontuou o dirigente da Educação.

O secretário também reiterou que lamenta que esteja sendo tratado pelo posto bancário como culpado pelo fechamento do estabelecimento.

SECRETÁRIA DE SAÚDE DE CHAPADA DE AREIA PARTICIPA DO MATRICIAMENTO REGIONAL DO CANTÃO DA REDE DE ATENÇÃO PSICOSSOCIAL

A secretária municipal de Saúde Paula Sabrinne, participou na manhã desta quarta-feira (18) do Matriciamento Regional do Cantão da Rede de Atenção Psicossocial (RAPS). O evento aconteceu em Paraíso do Tocantins, sob organização das pastas da Saúde e de Assistência Social do município, sendo alusivo ao Movimento Setembro Amarelo de prevenção ao suicídio.

A secretária municipal de Saúde de Paraíso, Rosirene Leal, prestigiou a programação e recepcionou os participantes – secretários municipais e servidores da Saúde da região do Cantão. Ela ressaltou a importância do fortalecimento da rede na assistência à saúde dos pacientes e reforçou que encontros como esses são fundamentais no processo saúde, doença, acolhimento dos referenciados e fortalecimento de vínculos.

Representando a Saúde de Chapada de Areia, Paula Sabrinne considerou o encontro como de grande relevância para o fortalecimento da rede de atenção psicossocial na região.

O matriciamento é um modo de produzir saúde num processo de construção compartilhada onde duas ou mais equipes produzem proposta de intervenção pedagógico-terapêutica. Em Paraíso o evento foi realizado no auditório da Associação Comercial e Empresarial (ACIP) e foi coordenado pela coordenadora do Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), Lucimar da Mota; pelo enfermeiro Marcos Antônio e pela psicóloga Cristiane Santana.

SAÚDE DE CHAPADA DE AREIA PROMOVE RODA DE CONVERSA COM ALUNOS SOBRE PREVENÇÃO AO SUICÍDIO E VALORIZAÇÃO DA VIDA

Alunos do Ensino Médio em Chapada de Areia participaram nesta quinta-feira (12) de uma roda de conversa sobre prevenção ao suicídio e valorização da vida. A atividade, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, foi conduzida pela psicóloga Ludimila Alves, que tirou dúvidas dos estudantes acerca dos cuidados com a saúde mental, dos sinais de adoecimento psicológico e sobre a rede de atendimento onde poderão buscar auxílio diante de sofrimento emocional.

Durante a ação os jovens também participaram de uma dinâmica que estimulou a reflexão sobre as atitudes que podem levar ao sofrimento e sobre a importância do cuidado consigo e com o outro. “Um dos objetivos da iniciativa foi chamar a atenção dos adolescentes para o tema, bem como garantir que eles tenham acesso a informações corretas sobre a prevenção e estratégias para buscarem diante de possíveis crises”, explicou a secretária municipal de Saúde, Paula Sabrinne.

Setembro Amarelo

O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. No Brasil, foi criado em 2015 pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e pela ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria), com a proposta de associar à cor ao mês que marca o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio (10 de setembro).

 

A ideia é pintar, iluminar e estampar o amarelo nas mais diversas resoluções, garantindo mais visibilidade à causa.

Mas todos podem ser divulgadores desta importante causa. Ações na rua, caminhadas, passeios ciclísticos, roupas amarelas ou simplesmente o uso do laço no peito já despertam atenção e contribuem para a conscientização.

SETEMBRO AMARELO: CHAPADA DE AREIA PROMOVE AÇÕES DE PREVENÇÃO AO SUICÍDIO

A Prefeitura de Chapada de Areia, está desenvolvendo diversas ações alusivas à campanha Setembro Amarelo, uma iniciativa que busca alertar a população para a prevenção ao suicídio. Na manhã desta terça-feira (10), dia D da campanha, a Secretaria Municipal de Assistência Social, com apoio do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e da Secretaria Municipal de Educação, realizou um bate papo com a participação de crianças e adolescentes da Escola Municipal América Alves de Oliveira, que puderam discutir e expor dúvidas sobre saúde mental. O momento foi conduzido pela psicóloga do CRAS, Karla Queiroz, e pela assistente social Marcela Montel.

 

Segundo a secretária municipal de Assistência Social, Celma Pereira, o bate papo ocorreu de forma clara e dinâmica. “Falamos sobre suicídio, como buscar ajuda e acolher as pessoas que estão sofrendo”, destacou a dirigente.

No período da tarde, sob a organização da Secretaria Municipal de Saúde, as ações continuaram com uma palestra da psicóloga Ludmila, que também discutiu sobre a importância dos cuidados relacionados à saúde mental. As atividades culminaram com uma grande caminhada, que percorreu a cidade levando à comunidade uma mensagem de valorização à vida.

Segundo a secretária municipal de Saúde, Paula Sabrinne, a maioria dos casos de suicídio estão associados a distúrbios mentais, como depressão, dependência alcoólica, esquizofrenia e transtornos de personalidade. “Precisamos evidenciar essa realidade e disponibilizar o Sistema de Saúde para as pessoas que precisam de ajuda. Em Chapada de Areia temos profissionais aptos a auxiliar a todos”, lembrou Paula.

 

A prefeita Maria de Jesus avaliou positivamente todas ações desenvolvidas no dia e destacou que elas tiveram o objetivo de conscientizar a população para a importância do tema. “Quero parabenizar toda a equipe das secretarias municipais que se uniram em torno desse assunto que tem se tornado cada vez mais relevante em nossa sociedade”, comentou a gestora municipal.

 

Sobre a campanha

O Setembro Amarelo é uma campanha de conscientização sobre a prevenção do suicídio. No Brasil, foi criado em 2015 pelo CVV (Centro de Valorização da Vida), CFM (Conselho Federal de Medicina) e pela ABP (Associação Brasileira de Psiquiatria), com a proposta de associar à cor ao mês que marca o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio (10 de setembro).

 

A ideia é pintar, iluminar e estampar o amarelo nas mais diversas resoluções, garantindo mais visibilidade à causa.

Mas todos podem ser divulgadores desta importante causa. Ações na rua, caminhadas, passeios ciclísticos, roupas amarelas ou simplesmente o uso do laço no peito já despertam atenção e contribuem para a conscientização.